5 cachoeiras para visitar em Bonito, no Mato Grosso do Sul

5 cachoeiras para visitar em Bonito, no Mato Grosso do Sul

19 de janeiro de 2022 0 Por Eliria Buso

Paraíso de ecoturismo e aventura, Bonito, no Mato Grosso do Sul, tem muitos atrativos além das grutas e rios para flutuação. No verão, quando as temperaturas podem chegar aos 35 graus na região, as cachoeiras surgem como uma boa opção de roteiro para se divertir e se refrescar.

Como essa é a temporada das chuvas na cidade, as cascatas também estão em sua época mais cheia, o que rende um cenário ainda mais impressionante das águas cristalinas em contraste com o verde da vegetação dos entornos.

Pensando nisso, a Acqua Studio de Viagens, único Studio de Viagens em Bonito, selecionou cinco opções de cachoeiras para conhecer no destino. Confira:

Cachoeira Boca da Onça

Maior cachoeira do Mato Grosso do Sul, a Boca da Onça tem 156 metros de altura e fica dentro de uma propriedade privada na Serra de Bodoquena, a 58 quilômetros de Bonito. No percurso até ela, é possível encontrar outras quedas de águas cristalinas, piscinas naturais e o Buraco do Macaco.

Além das trilhas, é possível fazer outras atividades no complexo, como rapel com descida de 90 metros de frente com o Cânion do Rio Salobra.

Estância Mimosa

A Estância Mimosa é, na verdade, um complexo com dez cachoeiras que oferece uma bela amostra da vegetação da região da Serra da Bodoquena. Considerada uma Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN, a fazenda tem trilhas até as quedas d’água, além de passeio a cavalo e observação de aves.

Entre as cachoeiras, destacam-se a do Sinhozinho, com quedas de fácil acesso, sendo ideal para banhos; a do Sol, com a queda mais alta; e a do Mutum, com uma grande rocha calcária no meio.

Ceita Corê

A fazenda Ceita Corê também abriga algumas das melhores cachoeiras da região. Situada a 36 quilômetros de Bonito, conta com sete quedas do Rio Chapena, além de trilhas por passarelas e pontes suspensas e tirolesa.

O roteiro passa por cachoeiras como a do "Seu" Ricardo e a da Hidromassagem, todas formadas por tufas calcárias e pequenas grutas, criando um belo cenário de piscinas naturais.

Cachoeira do Rio do Peixe

Considerado um dos lugares mais paradisíacos de Bonito, o Rio do Peixe conta com diversas formações de quedas, com destaque para uma cachoeira de 70 metros de altura e poço ideal para banho.

O passeio de cachoeiras do Rio do Peixe fica entre Bonito a Bodoquena e tem acesso pela MS 178. Ali há também opção de rapel para os mais aventureiros.

Cachoeira da Carretilha

Situada no Parque das Cachoeiras, que fica a menos de 15 quilômetros da cidade, a Cachoeira da Carretilha se destaca pela tirolesa improvisada – que lhe rendeu esse nome - e leva diretamente ao rio.

O parque ainda reúne outras seis quedas, além de cavernas e piscinas naturais.

Mais informações: www.acquaviagens.com.br

Imagem: Hudson Garcia